Vereadora aponta falta de parecer e cargos embutidos em empréstimo de US$ 120 mi, mas é derrotada na CCJ

Foto de Evilásio Júnior

Evilásio Júnior

Blog do Vila

02 de abril de 2024 às 06h00

 | 

Foto: Evilásio Júnior

Imagem de Vereadora aponta falta de parecer e cargos embutidos em empréstimo de US$ 120 mi, mas é derrotada na CCJ

A vereadora Marta Rodrigues (PT) entregou nesta segunda-feira (1º) à Comissão de Constituição e Justiça e Redação Final (CCJ) o seu voto em separado do Projeto de Lei Nº 51/2023, que pede autorização ao Legislativo para a Prefeitura de Salvador contratar um empréstimo de US$ 120 milhões junto ao Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (Bird).

A petista tinha pedido vista da matéria na última quarta (27) e requereu a reprovação da operação na CCJ, mas foi derrotada por 4 votos a 2. O único integrante do colegiado que a acompanhou foi o seu correligionário, Luiz Carlos Suíca.

Em sua justificativa, a legisladora alega "irregularidade formal" e aponta cinco fatores para a desaprovação. Entre eles, a falta do encaminhamento do parecer técnico-jurídico, "conforme exigido pelo art. 32, §1º da Lei Complementar 101/04"; classifica a indicação da destinação dos recursos como "extremamente genérica"; questiona as "condições de juros, carência, amortização, prazo de pagamento e garantias que serão contratados".

Ainda, segundo Marta, consta no projeto um "jabuti" que prevê a criação de três cargos comissionados, grau 57, vinculados à Casa Civil. "Não veio nenhuma nota técnica explicando. Muito genérico. Fala do Salvador Social, da Saúde, da Educação, mas em quê? E olha o que eles dão de segurança: ISS, IPTU, ITIV e parte do imposto de renda. Quem é que vai ser o fiador? São as receitas do Município. E tem outra coisa, dentro do projeto vem também embutida a criação de três cargos de grau 57. Para quê esses cargos?", questionou a vereadora, em entrevista ao Blog do Vila, do Portal Salvador FM

De acordo com o Plano de Cargos e Carreiras do Município, atualizado em 2023, o salário de cada um dos novos contratados está estimado em R$ 7.484,97. 

Além da CCJ, nesta segunda, o projeto também foi aprovado na Comissão de Finanças da Casa. Há quatro meses a Câmara já tinha aprovado outro financiamento no Bird, no valor de US$ 75 milhões. 

Programas

Ver mais

Imagem de Salvador By Night

Salvador By Night

Marcelo Carvalho

Agora, às 00h00
Imagem de Amigos da Madrugada

Amigos da Madrugada

Depois, às 02h00
Imagem de Acorda Salvador

Acorda Salvador

Paulinho FP

Depois, às 04h00
Imagem de Bom Dia Salvador

Bom Dia Salvador

Jeffinho

Depois, às 07h00
Imagem de Bahia Notícias No Ar

Bahia Notícias No Ar

Rebeca Menezes e Maurício Leiro

Depois, às 12h00
Imagem de Tô na Salvador

Tô na Salvador

Ivis Macêdo

Depois, às 13h00
Imagem de Pipoco

Pipoco

Dinho Junior

Depois, às 16h00
Imagem de Pida! Music

Pida! Music

Léo Sampaio

Depois, às 18h00
Imagem de Fora do Plenário

Fora do Plenário

Juliana Nobre e Diego Vieira

Depois, às 19h00
Imagem de A Voz do Brasil

A Voz do Brasil

Depois, às 20h00
Imagem de Sofrência, Samba e Modão

Sofrência, Samba e Modão

Jota P

Depois, às 21h00
Logo da Rádio Salvador FM

Rádio Salvador FM