Durval Lélys relembra início da carreira e garante levar todos os 'personagens' para o Carnaval 2023

Foto de Marina Araújo

Marina Araújo

Entretenimento

31 de janeiro de 2023 às 18h02

 | 

Foto: Vagner Souza/Salvador FM

Imagem de Durval Lélys relembra início da carreira e garante levar todos os 'personagens' para o Carnaval 2023

O cantor Durval Lélys se mostrou “ansioso” para o Carnaval 2023, durante entrevista à Dinho Júnior, no programa Pipoco, da Salvador FM, e garantiu fazer uma festa contando sua história, com os clássicos figurinos. Em um especial nesta terça-feira (31), diretamente da sua casa, o baiano ainda relembrou o início de sua carreira como diretor artístico de blocos da festa momesca.

“Tô muito feliz pelo retorno, com a ansiedade natural de todo Carnaval, porque temos uma maratona bacana pela frente e, a Bahia, Salvador em especial é um dos polos de Carnaval mais fortes que o Brasil tem. Então estou honrado, feliz, realizado, e quero que a gente faça aquele grande Carnaval e deixe aí a lembrança para fãs e turistas”, revelou.

Segundo o ex-vocalista da banda Asa de Águia, toda a energia da festa depende dos foliões que acompanham os trios. “É que nem futebol, metade da energia da vitória vem da torcida. O folião carnavalesco energiza todo trio elétrico que passa, é um atrás do outro, todos que estão ali tem uma novidade, gera curiosidade, e se torna um cenário de várias atrações”, completou.

Conhecido pelos famosos figurinos e ornamentações do trio elétrico, Durval explica que ainda no “Pinel” descobriu sua real função no Carnaval: “não ser só o cantor de sucesso, tinha que ser um carnavalesco, e representar algo”. 

“Quando conheci Pedrinho da Rocha, ele transformou o bloco em um Coliseu, e ali começou. Eu amo a irreverência, o ‘rei da rua’, o pintor, e cada vez eu vou botando mais um personagem e fluiu dentro do meu trabalho como uma brincadeira”, completou o cantor.

Como favorito, Durval aponta “o vampiro”. E com “o renascer do Carnaval” este ano, ele garantiu levar sua “história com um tiro certo”, com seus 15 personagens no bloco.

Este ano, ele se apresenta na sexta-feira [17], no camarote Brahma, sábado [18] no camarote Carvalheira, em Recife. Já no domingo [19] e segunda [20], sai o bloco ‘Me Abraça’, e terça [21] estará Barreiras. “Na terça existe a possibilidade ainda de estarmos com um trio na Avenida Sete, vamos ver!”.

Início da carreira

O baiano, formado em Arquitetura pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), relembrou o início da carreira no cenário musical. Ainda adolescente Durval Lélys acompanhava os trios em Natal, no Rio Grande do Norte, e quando retornou a capital baiana, fundou um bloco: “Pinel”.

“Eu tinha 18 anos e eu surfava pelo nordeste, e passava Carnaval em Natal, com o mini trio elétrico, e quando vim para Salvador trouxe um legado, um bloco de amigos, o ‘Colônia Pinel’, e a gente começou com reuniões, e surgiu o ‘Pinel’. Fui o diretor artístico deste bloco e aí fui conhecendo a galera do movimento, comecei a tocar guitarra, comecei a compor e depois virei cantor”, explicou o artista durante o Pipoco.

Anos depois nasceu a banda Asa de Águia, onde passou quase 30 anos no comando. “O Asa nasceu do Litoral para dentro do Brasil. A banda nasceu dessa confusão, e o artista quando cresce sai do ninho, e a Asa voou, e eu fui conquistar o Sul do Brasil, com as micaretas, onde criei os maiores Carnavais fora de época da região”, finalizou Durval.

Para conferir o Pipoco completo com Durval Lélys, basta acessar o link abaixo:

Programas

Ver mais

Imagem de Acorda Salvador

Acorda Salvador

Paulinho FP

Agora, às 04h00
Imagem de Bom Dia Salvador

Bom Dia Salvador

Jeffinho

Depois, às 07h00
Imagem de Bahia Notícias No Ar

Bahia Notícias No Ar

Rebeca Menezes e Maurício Leiro

Depois, às 12h00
Imagem de Tô na Salvador

Tô na Salvador

Ivis Macêdo

Depois, às 13h00
Imagem de Pipoco

Pipoco

Dinho Junior

Depois, às 16h00
Imagem de Pida! Music

Pida! Music

Léo Sampaio

Depois, às 18h00
Imagem de Fora do Plenário

Fora do Plenário

Juliana Nobre e Diego Vieira

Depois, às 19h00
Imagem de A Voz do Brasil

A Voz do Brasil

Depois, às 20h00
Imagem de Sofrência, Samba e Modão

Sofrência, Samba e Modão

Jota P

Depois, às 21h00
Logo da Rádio Salvador FM

Rádio Salvador FM