Prefeito de Amargosa destaca que expectativa é que São João movimente R$ 40 mi

Foto de Diego Vieira e Luiza Nascimento

Diego Vieira e Luiza Nascimento

Bahia

23 de junho às 20h51

 | 

Foto: Diego Vieira

Imagem de Prefeito de Amargosa destaca que expectativa é que São João movimente R$ 40 mi

Em Amargosa acontece uma das principais festas de São João da Bahia. O prefeito do município, Júlio Pinheiro (PT) comemora o retorno da realização da festa, após dois anos de pausa em decorrência da pandemia de Covid-19.

“É uma alegria imensa a gente receber novamente gente da Bahia inteira e de fora da Bahia e celebrar junto com o povo de Amargosa mais um ano do nosso São João. Dois anos onde a gente passou em a festa, uma festa que faz parte da nossa tradição, da nossa cultura, faz parte da identidade do povo de Amargosa, então foi muito difícil”, disse o gestor da cidade ao Portal Salvador FM.

Ele afirma que a cidade sofreu um grande impacto econômico durante o período em que a festa não pôde ser realizada. “O São João pra nós representa uma grande fonte de emprego e renda. É um período do ano onde há um forte incremento financeiro na economia da cidade com aluguel de casas, empregos temporários, mais vendas no comércio, no setor de serviços há mais negócios, então de fato, para nós foi um período muito difícil e a gente fica numa alegria sem tamanho de poder viver novamente essa experiência de realizar esse São João da Bahia e um dos melhores São João do Brasil”, comemorou.

A expectativa é de que haja um incremento de cerca de R$40 milhões na economia da cidade. “Recentemente nós fizemos um estudo do impacto econômico, contratando um econômico e isso foi comprovado através da redução do saldo devedor das contas bancárias do pós-São João, em relação a antes do São João, uma maior circulação de transações financeiras nas contas bancárias também e inclusive com o aumento da poupança total da cidade, em relação ao período anterior ao São João. Então isso comprova que o São João é importante na economia de Amargosa, o que justifica o investimento da prefeitura. A prefeitura chegou a investir quase R$4 milhões na festa e a estimativa é de que a cada R$1 investido, tenha um retorno econômico de R$10, não para a prefeitura, mas para a economia da cidade, para a geração de emprego e renda”, pontuou Pinheiro.

A estimativa é de que a cidade, que conta com 40 mil habitantes, amplie significativamente o número de pessoas durante a realização dos festejos.”A área do Bosque que é uma área de 30 mil metros quadrados, a gente estima que toda noite a gente tem certa de 40 ou 50 mil pessoas nos principais shows, o que faz com que passe cerca de 200 mil pessoas pela área da festa durante a realização do São João”, finalizou.