Marta rebate ACM Neto sobre críticas à Educação na Bahia: “Além de estar desinformado, nunca fez o dever de casa”

Foto de Redação Salvador FM

Redação Salvador FM

Política

15 de maio às 16h00

 | 

Foto: Divulgação

Imagem de Marta rebate ACM Neto sobre críticas à Educação na Bahia: “Além de estar desinformado, nunca fez o dever de casa”

Pré-candidata a deputada federal e vereadora de Salvador pelo terceiro mandato, Marta Rodrigues (PT), rebateu neste domingo (15), às declarações de ACM Neto sobre a Educação na Bahia  durante coletiva à imprensa em Itabuna, no sábado (14), e disse que o ex-prefeito ou distorce, ou está mal informado sobre os investimentos feitos na área pelo Estado. 

“O prefeito fala que o governo do Estado usa recursos precatórios do governo federal, quando não há nem sinal de precatório recebido. O ex-prefeito insiste no factóide de que o governo se restringiu a construir escolas, algo que nem isso era feito quando seu grupo esteve no poder, e que tampouco ele fez em Salvador, porque não tem o que falar sobre a sua atuação na educação pública quando prefeito por oito anos”, disse.  “No Estado, todos os investimentos na educação pública são feitos são com recursos próprios, e transcenderam a questão da infraestrutura, com formação de professores, provisão de tecnologia e diversos programas que dão garantia de alimentação escolar gratuita, busca ativa de alunos durante a pandemia e combate a evasão escolar”, afirma Marta. 

Segundo a vereadora, também presidenta da Comissão de Direitos Humanos e de Defesa da Democracia da Câmara, o ex-prefeito de Salvador não fez o ‘dever de casa’  por oito anos, e a situação da educação municipal foi agravada pelo seu sucessor Bruno Reis, que vai desde a desqualificação dos profissionais à tentativa de mercantilizar a educação pública na capital. 

“Graves dificuldades que enfrentamos na capital como  ausência de vagas em creches, sucateamento e fechamento de mais de 40 unidades da Educação para Jovens e Adultos (EJA), e o menosprezo com a educação no projeto político dele, mais recentemente, ao retirar do programa pedagógico Artes e Educação Física”, pontuou. 

Para a petista, o ex-prefeito tenta politizar o tema com manipulação de dados, porque não tem o que falar sobre seus feitos para a educação pública.  “Enquanto o ex-prefeito faz seu misancene, a gestão na Bahia aumentou consideravelmente EJAs, levou dignidade menstrual às escolas, criou o Projeto Vale Alimentação Estudantil, que garante  a segurança alimentar de todos os estudantes matriculados e de suas famílias, e instituiu como Política Estadual o Bolsa Presença, em meio à pandemia, para evitar a evasão escolar”, disse.  

“Durante a pandemia, o aliado, que chamam de ainda assessor do ex-prefeito,   não realizou sequer  conteúdo programático e pedagógico, desrespeitou a categoria de professores. O governo do Estado tem consciência de que os recursos precatórios, quando de fato destravados, parte deles precisam ser destinados para valorização dos professores”, acrescentou.

Programas

Ver mais

Imagem de Madruga Salvador

Madruga Salvador

Agora, às 00h00
26 de junho
Imagem de Samba Salvador

Samba Salvador

Jota Zô

Depois, às 06h00
26 de junho
Imagem de Salvador Mania de Pagode

Salvador Mania de Pagode

Jean Nanico

Depois, às 10h00
26 de junho
Imagem de Sucessos Salvador

Sucessos Salvador

Ivis Macêdo

Depois, às 14h00
26 de junho
Imagem de São Sete

São Sete

Ivis Macêdo

Depois, às 17h30
26 de junho
Imagem de Toca Tudo

Toca Tudo

Jota P

Depois, às 18h00
26 de junho
Imagem de Saideira

Saideira

Jota P

Depois, às 22h00
26 de junho